EnglishPortugueseSpanish

Quem somos

Nós somos o Instituto Data Zumbi criado em 2015 e vinculado à Universidade Zumbi dos Palmares. Fazemos parte de um grande movimento de transformação social em relação à conscientização e necessidade de mudança. Atuamos em 4 eixos: pesquisa, empresarial, acadêmico e relações comunitárias.

Nosso objetivo é promover e estimular a adoção de práticas de responsabilidade social no ambiente corporativo, com atenção especial à agenda étnico-racial.

A partir de atividades de estudo e pesquisa acerca da discriminação étnico-racial nas empresas é possível fazer um levantamento, gerenciamento e análise de dados e estatísticas sobre aspectos étnicos e raciais como ferramenta para a produção de conhecimento e pesquisa.

Além disso, oferecemos para as empresas as melhores práticas de responsabilidade social e valorização da diversidade étnico-racial, promovemos a educação e a capacitação por meio de pós-graduação lato e stricto sensu e publicações em Revista Científica. Por fim, temos convênio com o poder público para atuar como observador independente na mediação de conflitos e redução da judicialização.

Nossos produtos e serviços são práticas com foco na agenda étnico-racial:

Diagnóstico amplo:

Étnico-Racial e pesquisa sobre a percepção do negro no mercado de trabalho a fim de criar referencial sobre a equidade étnica-racial para o mercado brasileiro e evidenciar a relação direta entre equidade étnica-racial e desempenho financeiro

Diagnóstico interno:

Censo de diversidade empresarial que é um recenseamento empresarial contemplando informações dos funcionários acerca da diversidade de etnia, gênero, idade, raça, orientação sexual e pessoa com deficiência, bem como dados sobre cargo e remuneração.

Palestras e Treinamentos de Conscientização:

Conteúdo sobre temáticas que envolvem inclusão, promoção e valorização da diversidade, criando espaço para debate, reflexão e conscientização sobre o tema.

Implementação de ações de diversidade:

Através de suporte técnico para a criação de comitês de diversidade; estruturação de programas de recrutamento e seleção que promovam a diversidade no quadro de colaboradores e desenvolvimento de políticas de equalização de competências técnicas, capacitação e ascensão dos profissionais de grupos étnicos-raciais.

Cadeia de valor:

Implementação de políticas de engajamento da cadeia de valor como estratégia para incorporar inclusão e diversidade em toda a cadeia de valor da organização, estimulando a construção de uma cultura de diversidade étnico-racial no mercado brasileiro.

Mediação de conflitos:

Atuação como observador independente em mediações de conflitos e redução da judicialização.